UME Olavo Bilac


Localização: Av. Sen. Pinheiro Machado, 617 - Campo Grande

Tel: 3239-3014

Diretor: Márcia Cristina de Oliveira

email: olavobilac-seduc@santos.sp.gov.br

Zoneamento: 8

Atendimento: Ensino Fundamental - 1º ao 5º ano

O Grupo Escolar Olavo Bilac foi uma doação do Visconde do Embaré (21/12/1824-21/12/1887), por volta de 1882, quem muito fez pela instrução pública da cidade de Santos, inclusive a construção da escola, na Rua 02 de dezembro, hoje Rua D. Pedro II, em parceria com o Visconde de Vergueiro, onde funcionou a Casa de Ensino e a Inspetoria da Instrução anexa ao prédio, durante muitos anos.

A partir de 1994, houve a separação de prédios da EMPG Olavo Bilac, ficando destinado o prédio inaugurado em 1978 para funcionamento da EMEF Ayrton Senna da Silva.

Olavo Brás Martins dos Guimarães Bilac (Rio de Janeiro, 16 de dezembro de 1865 – Rio de Janeiro, 28 de dezembro de 1918) foi um jornalista, poeta brasileiro e membro fundador da Academia Brasileira de Letras. Criou a cadeira 15, cujo patrono é Gonçalves Dias.

Publicou inúmeras crônicas literárias no jornal A Notícia e colaborou com outros tantos jornais com A Semana, Cosmos, A Cigarra, A Bruxa e A Rua. Na qualidade de jornalista, foi grande incentivador do serviço militar obrigatório e da criação do Tiro de Guerra.

É como poeta, contudo, que Bilac se imortalizou. Foi eleito Príncipe dos Poetas Brasileiros pela revista Fon-Fon, em 1907. Juntamente com Alberto de Oliveira e Raimundo Correia, foi a maior liderança e expressão do parnasianismo no Brasil, constituindo a chamada Tríade Parnasiana. A publicação de Poesias, em 1888, rendeu-lhe a consagração.


Resultados do IDEB
(Índice de Desenvolvimento Escolar Brasileiro)
2005: 4,9
2007: 5,7
2009: 5,9
2011: 5,6

Núcleo do Escola Total
CAIS - VILA MATHIAS / A.A PORTUÁRIOS
Av. Rangel Pestana, 150 - Vila Mathias / R. Joaquim Távora, 424 - Vila Belmiro
ATIVIDADES: Hora do dever, esporte, lutas, dança, artes, contação de história, natação, surf e skate.

 10.0 - 2 votes